domingo, 21 de maio de 2017

Como ser distribuidor ou revendedor de produtos de catalogos Hiroshima

Olá Estrelas
Este post foi uma pergunta realizada por uma de nossas seguidoras do nosso canal do  Youtube onde ela nos pergunta por este assunto e resolvemos trazê-lo aqui para vocês.

                                              Vamos falar sobre a Hiroshima

É um catálogo que contem roupas de linhas maravilhosas como Ivete Sangalo,Sabrina Sato,Aline Barros e ate moda plus size.
Porcentagem de lucro para Revendedora 20%.
Não temos a informação de porcentagem de lucro para distribuidor porém você pode clicar no link que segue para que você possa entrar em contato e se informar. 

Clique aqui para Contato

Segue abaixo a listagem completa de catálogos que compõe a Hiroshima.


 Agora vocês verão a linha que contém nos catálogos que compõe a Hiroshima.

 Os produtos são ótimos!

Caso queiram revender ou ser distribuidor  basta entrar no site e preencher um formulário e aguardar contatos.

Abaixo estarão disponíveis os links/endereços  para que você escola a opção correta que deseja é só clicar em cima de cada opção que você será redirecionado para a página.

Visitar site 

Catálogos Virtuais

Quero ser revendedora 

Quero ser distribuidor 


Caso você mora em São Luis MA áreas João Paulo,Centro, Liberdade, Bairro de Fátima,Monte Castelo,Areinha etc. e deseja ser revendedora desta marca entre em contato comigo e venha fazer parte do meu posto de vendas entre em contato comigo Léa (98)988832894.
Agora Caso você more em São Luís ou interiores do Maranhão é só entrar em contato(98)988832894 whatsApp que irei lhe indicar   a Distribuidora Dois Amigos LTDA  eles são distribuidores que contratam postos de distribuição com a porcentagem em cima do valor do pedido da sua equipe que você terá de  5% que é a empresa a qual faço parte atualmente exercendo a função de promotora.
Você pode também verificar em sua cidade se não tem um distribuidor mais próximo.

Espero este post ajude você caro leitor de alguma forma!
Beijos
Imagens retiradas do site https://www.hiroshima.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário